Seja Benvindo. A sua visita me fará, sempre, feliz

sábado, 10 de maio de 2014

Poema à minha Mãe

Estas flores ofereço com 
ternura à todas as mães


Busquei nos céus sem fim
as esterelas reluzentes,
e com elas teci um manto luminoso
que aquecesse as noites vazias
de tua solidão...

Colhi nas conchas das pétalas 
o orvalho de todas as tuas lágrimas 
para ofertá-las
como estrelas diferentes 
aos céus que as desconheciam...

Na ascústica da alma 
ouvi de novo, teu canto de ninar
como se fosse o ciciar 
dos pássaros cantores...

No rumor das folhas verdes
escutei novamente, teus passos leves
vigiando os meus primeiros passos...

Mas nem nas estrelas do céu,
Nem nas pétalas da flor,
Nem no ciciar das fontes,
Em nada encontrei algo semelhante,
ao teu amor...




Que Deus derrame sobre todas as mães suas mais sublimes bençãos.
Que tenham sempre muita alegria e paz.
Com carinho,
Élys.

Autor espiritual: Carlos Augusto (1968)
Livro: Evangelho em Prosa e Verso 
Mensagens de diversos espíritos
Edição: Lar de Teresa


10 comentários:

  1. Linda poesia e homenagem !Adorei e agradeço a minha fatia nela,rs abração,chica

    ResponderExcluir
  2. Emocionante,amigo, a sua ternura e seu sentimento de filho! Adorei! As rosas também são lindas e eu agradeço a este presente!

    ResponderExcluir
  3. Poema lindo! Agradeço por mim e por todas as Mães esta linda homenagem!
    Abraços.

    ResponderExcluir
  4. Amigo Élys, a maternidade é divina. Merece ser homenageada e vc fez uma linda homenagem. Obrigada. Muita paz!

    ResponderExcluir
  5. Olá Élys,

    Lindo poema, linda homenagem e lindas flores.

    Excelente final de semana.

    Abraço.

    ResponderExcluir
  6. Lindo, emocionante, o irmão Carlos Augusto toca as fibras de nossa alma, obrigada pelo compartilhamento, beijos Luconi

    ResponderExcluir
  7. Que lindo poema! Que linda homenagem a sua mãe. Lindas as flores.
    Um abraço e boa semana
    Lita

    ResponderExcluir
  8. Elys,que tocante essa homenagem á sua mãe! Bjs e ótima semana!

    ResponderExcluir
  9. Lindo! Fiquei muito feliz com sua visita, amigo.
    Grande abraço!

    ResponderExcluir
  10. Inexplicável é o amor de mãe. Amei a doce e linda poesia. Um abraço

    ResponderExcluir

A sua visita me faz feliz.
Deixe um comentário, aqui ou se preferir,
vá ao livro de visitas (Guest Book), no alto do Blog.
Ficarei muito grato.