Seja Benvindo. A sua visita me fará, sempre, feliz

sexta-feira, 12 de agosto de 2011

Ser Pai

13/8/2000
Autor: Élys Vianna

Já disse o poeta uma vez...
Ser mãe
é padecer no paraíso...
E ser pai?...

Ser pai 
é ter força, energia,
mantendo estampado
no rosto da mãe,
um sorriso de alegria.

É ser amoroso,
e sempre, exemplificar,
mostrando aos filhos os limites,
para poder educar...

Ser pai
é estar, sempre,
disposto, a dialogar,
para manter acesa,
a chama do amor...
Nunca deixando apagar.

Ser pai, 
é fazer-se respeitar,
dando respeito, também,
amando a mulher e os filhos,
sem, nunca, humilhar  ninguém.

É dar as mãos
para fazer a família feliz,
procurando em Deus a Verdade,
para ter força no que diz...

Ser pai,
é ser verdadeiro,
é ter no rosto,
sempre, um sorriso...
Junto com os filhos,
 fazer a mãe, ser feliz no paraíso.

21 comentários:

  1. Élys, que barra ser pai!! Muitos vangloriam as mães, principalmente nas questões do sofrimento e amor sublime e esquecem que o suporte emocional que um pai dá ao filho. Ele pode não ser dado a afagos, mas ainda mantém com ranços arcaicos da educação que teve, o instinto de proteção da família. Sim, estou falando de um homem integral, simples e verdadeiro. Sei que existem pessoas tortas, mas de ambos os sexos, não é mesmo?
    Feliz dia dos Pais!! Boas comemorações! Beijus,

    ResponderExcluir
  2. Muito legal tua poesia e homenagem aos pais.

    Felicidades pra ti e para todos os papais que aqui passarem! abraços,chica

    ResponderExcluir
  3. Perfeito Élys.
    Os verdadeiros pais tem fortes obrigações, principalmente com o coração.
    Bom final de semana
    Xeros

    ResponderExcluir
  4. Olá, amigo Élys
    Que Deus abençoe o seu dia dos pais!!!

    "procurando em Deus a Verdade,
    para ter força no que diz"...

    Que bom que vc vê em Deus um modelo verdadeiro!!!
    Seja muito feliz e abençoado!!!
    Abraços fraternos de paz pra vc e suas filhas amadas.

    ResponderExcluir
  5. Amado irmão Élys,
    Agradecemos sua visita e comentário. A postagem serve para refletimos mais ainda sobre a vida. Nós nunca saberemos o que iremos passar no amanhã. É uma forma também de ajudar nossos irmãos. Quantas pessoas estão passando por essa dor neste exato momento e não sabemos o que fazer, que atitude tomar ou simplesmente dar uma palavra de conforto, não é mesmo meu grande amigo? Seja sempre bem vindo, sua presença enche este espaço de luz.

    Abraços de luz e um feliz dias dos pais, muita saúde e amor.
    O belíssimo poema acima me fez recordar do meu velho pai.

    ResponderExcluir
  6. Luma, Chica, Ana, Orvalho do Céu e Esperança.
    A visita de vocês e os seus comentários me fazem feliz.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  7. Élys,

    O dom da paternidade é lindo demais, quando se é pai no total sentido da palavra.
    Linda mensagem para esses pais tão merecedores.
    Já deixo aqui o meu abraço por esse dia. Você é um pai amoroso para nós, pois sempre nos trás lindas mensagens e comentários de otimismo e encorajamento.
    Parabéns pelo seu dia, que Deus continue abençoado os seus dons.

    ResponderExcluir
  8. Élys, que poesia linda.
    E como é díficil ser pai/mãe nestes dias de hoje, com tanta violência e preocupações.
    Parabéns pelo dia dos pais.
    Eu estou longe do meu, mas adoraria estar aí pra dar um abraço bem apertado nele e dizer obrigada por tudo.
    abraços
    Élys não estou conseguindo postar como Danidutch, consegui só com anônimo.

    ResponderExcluir
  9. Lucinha
    Você tocou o meu coração e agradeço ternamente as suas palavras. Fiquei muito feliz. Um ótimo fim de semana.


    Dani
    Vez por outra dá um probleminha no Blogger.

    Agradeço as suas palavras e apesar de longe do seu pai, ele certamente estará recebendo suas vibrações de carinho.
    Um grande abraço.

    ResponderExcluir
  10. Olá Elys.

    Muito bonita sua homenagem.
    Os pais também tem direito de receber homenagens, e o carinho dos filhos.
    Abraços
    Maria Luiza (Lulú)

    ResponderExcluir
  11. Olá Élys

    Estou como danidutch, só conseguir enviar estes comentários através do ANÔNIMO.
    Abraço.
    Maria Luiza (Lulú)

    ResponderExcluir
  12. Maria Luiza(Lulú)
    Obrigado por seu comentário.
    Espero que se normalize, pois eu consigo colocar normalmente.

    ResponderExcluir
  13. Bela homenagem aos pais...
    pai e mãe se completam, para
    oferecer tudo possível aos filhos,
    principalmente limites, para que sejam felizes.
    Feliz Dia dos Pais, Élys!
    Beijos

    ResponderExcluir
  14. ELYS
    Feliz Dia dos Pais!
    Lindo final de semana ricamente
    abençoado!!


    lembre-se sempre que
    entre o passado, onde estão
    nossas recordações... entre o
    futuro, onde estão nossas
    esperanças, fica o presente,
    onde está o nosso dever...
    Dever de ser FELIZ !!!

    ResponderExcluir
  15. Olá Élys,

    Agradeço o seu comentário no meu blog.
    Como vai, amigo?
    Já regressei de férias e penso postar, amanhã. O espero.
    Sei muito bem o que é AMOR DE PAI, é coisa saborosa, é entrega e protecção.

    Beijos de luz.

    ResponderExcluir
  16. Que poesia linda, quanta sensibilidade...Parabéns!!!

    Tenha um Maravilhoso Dia dos Pais!!!
    Muita Luz!!!

    ResponderExcluir
  17. Linda homenagem, Élys. Que Deus te abençoe no teu dia...
    Beijos

    ResponderExcluir
  18. Oi, Élys!

    Amor, Exemplo, Respeito, Imposição de limites, Diálogos... Uma excelente receita pra ser um bom pai. Muito bom.

    Socorro Melo

    ResponderExcluir
  19. Lúcia, Brisa, Luz, Roberta, Jeanne e Socorro.
    As palavras amáveis de vocês tocam o meu coração fazendo-me feliz.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  20. Hermosa poesía...para homenajear a nuestros padres.
    Un abrazo desde Argentina, me quedo par seguir visitando su sitio.

    ResponderExcluir
  21. Elsa
    Agradeço a sua visita e fico muito feliz por seguir-me, Irei visitá-la.
    Uma linda semana para você.

    ResponderExcluir

A sua visita me faz feliz.
Deixe um comentário, aqui ou se preferir,
vá ao livro de visitas (Guest Book), no alto do Blog.
Ficarei muito grato.