Seja Benvindo. A sua visita me fará, sempre, feliz

quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

Minha Existência


16/2/2011

Autor: Élys Vianna

O início...Muito distante.
Muitas vidas...
Muitos caminhos...
O livre arbítrio,
Buscando a evolução.

Incertezas...
Sofrimentos...
Períodos felizes.
Na existência,
Cada momento é uma decisão...

Trouxe, do passado, a experiência,
Que me ajuda, no presente.
Para o futuro,
tenho a esperança,
De um bonito e risonho amanhã...

Continuo seguindo,
Buscando, subir a íngreme encosta,
Porém os meus olhos, já cansados,
Não conseguem, mais,
Vislumbrar o fim da estrada...

Sigo,  lentamente,
Passo a passo caminhando...
O caminho é muito estreito,
Mas com fé,
Pouco a pouco, o vou conquistando...




22 comentários:

  1. A Fé sempre nos faz conquistar.
    Massa o poema!
    Xeros

    ResponderExcluir
  2. Ana
    A fé é a força que impulsiona a vida.
    beijos.

    ResponderExcluir
  3. Querido amigo,
    Parabéns!! Estes versos descreve direitinho o nosso roteiro espiritual. "Sigo, lentamente,
    Passo a passo caminhando...
    O caminho é muito estreito,
    Mas com fé,
    Pouco a pouco, o vou conquistando..." É isto mesmo, a passos lentos...
    Obrigada por compartilhar!!
    Agradeco muito as suas amáveis visitas no compreender; estvive de férias quinze dias, e só agora estou retornando, tentando atualizar as visitas.
    Abracos com carinho e uma feliz semana!

    ResponderExcluir
  4. Muito lindo, sempre assim aqui...abraços,chica

    ResponderExcluir
  5. meus olhos também não conseguem vizualizar o fim da estrada.

    ResponderExcluir
  6. Nunca podemos perder a fé e a esperança Élys.
    Lindo poema.

    Bjs no coração!

    Nilce

    ResponderExcluir
  7. Márcia
    Procurei através de uma forma poética resumir a nossa existência enquanto estivermos nessa dimensão.
    Abraços.


    Chica
    Certo , aqui é sempre assim.
    Um abraço.


    Aleska
    Conforme vamos subindo essa encosta íngrime, o fim da estrada fica mais difícil de se visualizar.

    "Quanto mais sei, mas descubro que nada sei..."


    Nilce
    Fé e esperança, duas palavras que têm que estar sempre no nosso vocabulário.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  8. OLá, Élys
    Interessante ver que o seu poema tem a ver com o que proponho hoje em meu Blog: uma retomada de fases da vida...
    Segue o meu convite, em meu post de hoje, carinhoso de mais uma Coletiva pra VC...
    Entra na roda com a gente!!!
    Abraços de paz

    ResponderExcluir
  9. É a porta estreita a que Jesus se referiu. realmente não é fácil, mas com o livre arbítreo, sabemos que temos tudo o que merecemos e com esta consciência a caminhada fica mais leve...
    beijos

    ResponderExcluir
  10. Versos que tocam. E como é bom te ler ao som da chuvinha gelada que cai lá fora.
    Muita paz na sua semana.

    Iram

    ResponderExcluir
  11. E assim vamos seguindo com fé e esperança.
    Bonito poema.
    bjs

    ResponderExcluir
  12. Élys,

    Gostei muito do poema, e destaco:

    Trouxe, do passado, a experiência,
    Que me ajuda, no presente.
    Para o futuro,
    tenho a esperança,
    De um bonito e risonho amanhã...

    Lindo demais!
    Abraço

    ResponderExcluir
  13. Élis que poema tão lindo que nos fala de tudo que se faz preciso para que sua caminhada seja de vitória e de muita luz,que Deus te abençoe sempre neste caminho um abraço com carinho

    marlene

    ResponderExcluir
  14. Jeanne
    É!...E como é estreita. De fato somos responsáveis por nossas atitudes, mais ninguém.
    Beijos.


    Iram
    Obrigado, você é muito gentil.
    Visualizei o cenário, a chuva caindo de mansinho....Bom...


    Pensando em Família
    Assim precisamos, sempre seguir, com fé e esperança.
    Beijos,


    Lucinha
    Que o futuro de todos nós seja muito bonito e risonho.
    Um abraço.


    Marlene
    O caminho é sempre de aprendizado constante.
    Que Deus abençoe a todos nós.

    ResponderExcluir
  15. LINDO SEU TEXTO.PARABENS!

    A instabilidade do casal revela a intolerância, a dificuldade de suportar as diferenças, o paradoxo do amor e do ódio, do querer e do não querer, de se resignar com o bom, o mau e o feio das relações.
    Obrigada pelos comentários.
    Volte sempre
    um abraco carinhoso

    ResponderExcluir
  16. Manosca
    Obrigado, por sua visita .
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  17. Élys, diz Jesus q temos q andar pelo caminho estreito, q é o caminho onde não nos deixamos levar pela ilusão das coisas materiais.
    Não sei se vc curte, mas tem um selinho para vc em meu blog. Se gostar, é so pegar. Muita paz!

    ResponderExcluir
  18. lindas palavras. Me dixa sem saber o que dizer...

    ResponderExcluir
  19. A fé é o nosso combustível na vida, amigo!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  20. Denise
    É um caminho estreito, mas temos que nos esforçar para caminhar, mesmo vagarosamente, acreditando que, sempre, vamos progredir.
    Obrigado pelo carinho do selinho, passarei no seu blog.


    Sentindo e pensando
    O silêncio, normalmente fala muito. Tenha em seu coração a certeza que em sua vida tudo dará certo e assim, será. A paciência para aguardar, é preciso ser exercitada.
    Muita paz.


    Sônia
    Com fé teremos, sempre, força para caminhar.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  21. Élys, muito bonito o poema, e também com as palavras bem colocadas.
    Acredito que, o que nos faz levantar da cama a cada dia é nossos sonhos, e vamos vivendo e dividindo nossas atenções para todos os campos de nossas vidas. bjuss

    ResponderExcluir
  22. Boa noite amigo! Que Jesus abençoe tua existência! Lindo poema, como você diz:
    "Sigo, lentamente,
    Passo a passo caminhando...
    O caminho é muito estreito,
    Mas com fé,
    Pouco a pouco, o vou conquistando..."
    É verdade! Tenha um lindo fim de semana!
    Abraços!

    ResponderExcluir

A sua visita me faz feliz.
Deixe um comentário, aqui ou se preferir,
vá ao livro de visitas (Guest Book), no alto do Blog.
Ficarei muito grato.